Daisypath Wedding tickers

Daisypath Wedding tickers

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

City Lar- Não recomendo

         Gente hj meu post é de protesto. Comprei um aparelho de jantar pela internet, na City Lar, que é do grupo Ricardo Eletro, Insinuante. Pois é meus amores. Sábado agora com 2 dias de atraso, meu aparelho chegou. Como a loja diz que vc só necessita abrir a mercadoria na frente do entregador caso a embalagem apresente alguma avaria, e a minha não apresentava. Eu não abri. Quando finalmente subi com a caixa e comecei a verificar prato por prato. Minha surpresa foram os pratos quebrados. Hoje liguei pra solicitar a troca. Pois a resposta do outro lado da linha foi : não podemos trocar. Como assim não podemos trocar. E eu vou ficar com um produto inutilizado. Era pra minha casa nova... Ai que raiva. Já comprei varias coisas de vidro e porcelana pela internet e nunca havia acontecido isso. Sempre efetuaram as trocas necessárias. Mas nessa loja até o atendimento é ruim. Conclusão vou ter que ir ao PROCON entrar com um processo contra essa droga de loja. E claro procurar meu advogado tb né... 

É isso ai meninas, depois volto, mas vai ser pra contar coisas boas...

bjkas

      

4 comentários:

Gabriela disse...

Que raiva!
Não acredito!
Eles tem a obrigação de trocar, afinal pelo código de defesa do consumidor todas as compras pela internet são passíveis de trocas e devolução, uma vez que o cliente não vê o produto, e no seu caso ainda mais já que o mesmo encontra-se defeituoso!
Vai atrás noivinha, não se deixe enganar por estas lojas que só sabem fazer propaganda!
E vamos divulgar para que ninguém mais compre nada lá!
Grande beijo !

Gabriela disse...

Segue um link bem explicativo querida.
http://codigodoconsumidor.blogspot.com.br/2007/09/internetcompras.html

Jane Marie disse...

já devolvi uma lava-louças comprada pela internet e recebi o dinheiro de volta. Vai no procon, sim, dá trabalho, mas é seu direito. Obrigada por compartilhar!

Sandra Mello disse...

Já passei por uma situação parecida, mas foi com celular novinho. A Vivo nem o fabricante resolveram, não vou contar a história porque foi longa e estressante, mas resolvi da seguinte forma: Fiz a reclamação no site o Jornal O GLOBO, só assim trocaram. Faça isso também, porque isso é sacanagem com o consumidor! Bjus!
Boa sorte

Postar um comentário

Estou ansiosa por seu comentário!